Alimentadores para prensas

lineas-de-alimentacion

  • LINHA DE ALIMENTAÇÃO LARGA

Compostas por carregador de bobinas, enrolador, alisador, loop de acumulação de chapas e alimentador de rolos, podendo chegar a 120 golpes por minuto.

Bobinas até 20 Ton. e 1.800mm de diâmetro com chapas de 0,5 a 8 mm de espessura e largura até 2.000 mm. A velocidade da linha é de 100 m/min, a produção chega até 20 golpes por minuto de pressão.

 
  • LINHAS DE ALIMENTAÇÃO COMPACTA

Para a poupança de espaço no local de produção, e é composta por carregador de bobinas, enrolador e alisador-alimentador.

Bobinas até 25 Ton e 2.000mm de diâmetro com chapas de 0,5 a 10 mm de espessura e largura até 2.100 mm. A velocidade da linha é de 70m/min, a produção chega até 60 golpes por minuto de pressão.

 

 
  • SISTEMAS COMPACTOS

 

  • Sistemas de alta produção

 

ROD-GPM SYSTEM: Linhas de alta produtividade em grandes secções

LINHAS DE ALIMENTAÇÃO PARA PRENSAS COM ALTAS CADÊNCIAS, podendo chegar a 80 golpes por minuto.

Bobinas até 25 Ton e 2.000mm de diâmetro com chapas de 0,5 a 10 mm de espessura e largura até 2.000 mm.

  • SISTEMAS ALTO ÍNDICE ELÁSTICO

ALE SYSTEM: processamento de materiais de alto limite elástico.

LINHAS DE ALIMENTAÇÃO DE PRENSA PARA O PROCESSAMENTO DE MATERIAIS ATÉ 1.000 N/ mm².

Bobinas até 25 Ton e 2.000mm de diâmetro com chapas de 0,5 a 10 mm de espessura e largura até 1.500 mm. A produção chega até 60 golpes por minuto de pressão.

A grande robustez do desenho dos alisadores do tipo troquel e das do tipo crocodilo permitem o processamento destas bandas de ligas de aço de alta resistência. Além disso o conjunto de bobinadoras e tratamento especial para estas bandas, permite um corte de chapa com total segurança e em tempos reduzidos.

 

 
  • SISTEMAS PARA PROCESADO DE GRANDES BOBINAS

SYSTEM FOR LARGE COILS: LINHAS DE ALIMENTAÇÃO PARA GRANDES BOBINAS.

Bobinas até 25 Ton. e 2.000mm de diâmetro com chapas de 0,5 a 10mm de espessura e largura até 2.000mm.

A produção chega até 60 golpes por minuto de pressão.

A principal caraterística destas linhas é a grande robustez das bobinadoras com a redução da transmissão de potência integrada na estrutura da máquina.

Além disso são bobinadoras sem apoio de eixo, pelo que os tempos de câmbio de bobine são reduzidos.

 
 
  • Sistemas para metais delicados

Estes sistemas permitem trabalhar com materiais delicados, tanto pelo seu baixo índice de elasticidade (alumínios, latões, etc.); bem como pelas caraterísticas delicadas das suas superfícies (espelho polido, pintados, plastificados, etc.).

São sistemas que podem estar com as mesmas máquinas que são necessárias para processar LIGAS COMBINADAS DE AÇO E ALUMINIO; ou LIGAS DUPLAS, e que dispõem de sistemas alisadores com rodízios.

 
 
  • SISTEMAS ZIG-ZAG PARA

LINHAS DE ALIMENTAÇÃO de alta eficiência PARA A OBTENÇÃO DE DISCOS E FIGURAS, com um grau máximo de eficácia no uso do material.

Estas linhas podem trabalhar alimentando a faixa para o corete do disco em zigzag simples, em zigzag complexo, etc; que vai depender da relação entre o diâmetro do disco e a largura de banda empregue.

Bobines até 20 Tn e 1.800mm de diâmetro com chapas de 0,5 a 8 mm de espessura e largura até 1.000 mm. A velocidade da linha é de 60m/min, a produção chega até 45 batimentos por minuto de grampo.

 

 
  • SISTEMA FINE BLANKING

FINE BLANKING SYSTEM: linhas para processamento de CORTE FINO

LINHAS DE ALIMENTACION PARA GRAMPOS DE CORTE FINO onde a característica principal são as espessuras elevadas, e o fabrico de peças em aço de alto índice elástico.

Bobines até 20 Ton e 2.000mm de diâmetro com chapas de 3 a 17mm de espessura e largura até 500mm. A velocidade da linha é de 60m/min, a produção chega até 30 batimentos por minuto de grampo.

Estas linhas estão fornecidas de enroladoras muito robustas, e com altos níveis de segurança no envolvimento da bobine.